Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil. As melhores charges. Compartilhe

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil. As melhores charges. Compartilhe

O CORRESPONDENTE

30
Mai22

#CPIdoSertanejo: revelados valores de shows pagos por prefeituras

Talis Andrade
 
Image
Alvaro Borba
@alvaroborba
E os contratos do Gustavo Lima com as prefeituras que serviram pra comprar uma filial da Havan?ImageImage
Image
Lenio Luiz Streck
Gusttavo Lima, que fala nos shows sertanejos em Pátria, Deus e família, ganhou 800 mil de prefeitura de 8 mil hab. E ele grita nos shows : viva o empreendedorismo. Viva quem produz. É. Dá para ver. Pobre prefeitura. Pobre povo. Ah Deus. Ah pátria. Ah família! Ah, gente de bem!
@LenioStreck
E segue o show dos “Sertanejos de Bem”! Mais escândalos. Gusttavo Lima canta mal, compõe pior…mas sabe COBRAR grandes CACHÊS do poder público. Do qual fala mal. Muitos dinheiros! Até Ervanário da saúde (em MG) para pagar cachê. Deus, pátria e família. O Brasil de bem! O novo!
Image
 

Após cantores sertanejos criticarem a Lei Rouanet, usuários das redes sociais descobrem valores pagos por prefeituras a shows desses artistas

Image
 
 
por Maria Dulce Miranda /Correio Braziliense
 
A tag #CPIdoSertanejo está entre os assuntos mais comentados nas redes sociais nesta quinta (26/5). Junto dela, nomes como Gusttavo Lima e Sérgio Reis. Os usuários pedem a investigação do uso de dinheiro público para a contratação de shows dos artistas por prefeituras do interior. O assunto ganhou notoriedade após Zé Neto, da dupla Zé Neto e Cristiano, criticar a Lei Rouanet em uma apresentação.
 

Mas o show, que foi realizado na cidade de Sorriso (MT), custou R$400 mil, segundo o Diário Oficial do Município. A investigação, feita pelo jornalista do UOL, Demétrio Vecchioli, também apontou contratos com outras prefeituras, como Extrema (MG), no valor de R$550 mil; Sebastianópolis do Sul (SP), com R$403 mil e Aruana (GO), na cifra de R$320 mil.

Esses contratos não exigem licitação ou pregão, já que há a impossibilidade de competição, devido à exclusividade do objeto a ser contratado. Ou seja, a prefeitura contrata o show daquele artista, em negociação direta.

A partir daí os usuários seguiram na investigação e apontaram outros cachês altos de famosos. O cantor Gusttavo Lima, por exemplo, teria recebido R$800 mil da prefeitura de São Luiz (RR). Vale destacar que a cidade tem pouco mais de 8 mil habitantes. O Ministério Público de Roraima instaurou um procedimento para averiguar o caso. De acordo com a Promotoria de Justiça da Comarca de São Luiz, um ofício foi encaminhado para o Município, solicitando informações a respeito da “contratação, de como os recursos foram arrecadados e também se haverá retorno para a Municipalidade”.

O Estado de Minas entrou em contato com a prefeitura de São Luiz, pedindo a confirmação da cifra e o recebimento do ofício, mas até a publicação da reportagem, não obteve resposta.

Já no município de Magé, o contrato com Gusttavo Lima seria de R$1.004.000, segundo denúncia feita pela Revista Veja. O Estado de Minas também solicitou à prefeitura a confirmação do valor, mas ainda aguarda o retorno.

Enquanto isso, Sérgio Reis saiu em defesa dos colegas sertanejos. O cantor e ex-deputado federal apontou, em entrevista à Folha, que o valor pago por uma prefeitura “é dinheiro para o público, não é dinheiro público”.

Image

Nas palavras do sertanejo bolsonarista, os shows são uma forma de levar investimento para as cidades. “O prefeito tem que levar alegria para o povo. O que é que há? O prefeito ajuda o comércio local. Uma festa gira dinheiro para o pipoqueiro, o pobre que vende algodão doce, a dona de casa que faz doce caseiro e vende na banquinha na festa", afirmou.

Essa não é a primeira vez que os sertanejos criticam a Lei Rouanet. Assim como Bolsonaro, os artistas afirmam que a legislação beneficiaria artistas “de esquerda” e daria cifras milionárias que prejudicariam outros setores, como saúde e educação. Mas não é bem assim.

A Lei 8313, conhecida como Rouanet, é o principal mecanismo de fomento à Cultura no Brasil e impulsionador da produção das atividades criativas. Por meio dela, empresas e pessoas físicas podem patrocinar espetáculos – exposições, shows, livros, museus, galerias e várias outras formas de expressão cultural – e abater o valor total ou parcial do apoio do Imposto de Renda.

Para arrecadar o dinheiro, é preciso apresentar um projeto cultural na Secretaria Especial de Cultura. O órgão vai fazer uma análise de viabilidade técnica e orçamentária do projeto. Ou seja, ocorre uma avaliação da coerência da proposta, das cifras estimadas e da conformidade com a legislação. Com a aprovação da Secretaria, o responsável é autorizado pela captação de recursos, diretamente com os patrocinadores.

O responsável pelo projeto precisa gastar o dinheiro captado de acordo com o orçamento aprovado pela Secretaria. A legislação prevê inclusive certos limites para cada rubrica (cada linha do orçamento), de modo que não é possível pegar todo dinheiro e gastar com apenas um artista.

 
 
15
Mai22

Dia sim, dia sim militares ameaçam golpe

Talis Andrade

 

 

golpe .png

 
 
Lenio Luiz Streck no Twitter
 
 
Surpresa: por trás de Daniel Silveira tem uma coisa de nome “rachadinha”. Diz o MPF. Mas, sem problema: será indultado! “Bora” insultar o STF! Chama-se “liberdade de agressão”! E pedir AI-5. Em nome da democracia, é claro.
Image
 
Chinelagem: Zambelli quer anistia geral a condenados por atos antidemocráticos. Silveira na CCJ. O país virou um escracho. E 1-Maio teve novas manifestações golpistas. Até qdo? E pensar que a grande mídia colocou Bolsonaro lá! Mas ninguém é mãe da desgraça. Diz aí Cantanhede!
 
Image
Fui o autor do parecer da OAB (Com. Estud.Constitucionais) sobre o “indulto” de Bolsonaro. Na pesquisa, escapou-me a opinião de Pontes de Miranda (um desconhecido - sarcasmo!). Entre ele e os juristas bolsonarianos, fico com o velho. Gracias, Rui Espíndola. Não é ato de império.Image
 
Por que cobrar da grande mídia? Óbvio. Lembram do propinoduto? Diário? Não existiria toda essa desgraça sem Moro e a mídia (JN, Merval e cia). Corremos risco de golpe. Sim. E a mídia entrevista Moro. Sem nem tocar na decisão da ONU. Não aprendem. Gostam de alimentar crocodilos.
Image
Vou copiar o Thiago Brasil. Abaixo. Antes, digo: A ONU faz uma decisão história e Cantanhede e Merval entrevistam o pipoqueiro! O Brasil é uma fraude mesmo!
 
Image
 
O réu não se ajuda. 13 de maio: Moro cita Luís Gama. Tsk. Tsk. E tasca: “mais do que um presente do império…”. Ah, para com isso. Falso como terra plana. Moro citar Luis Gama é como Bolsonaro citar Rui Barbosa. Qdo não há do que falar, o melhor é calar, já disse Wittgenstein!
Image
Wal do Açaí “trabalhou” 15 anos como asses. parl. sem NUNCA ter estado em BSB. Vendia açaí. Processada junto com seu chefe (Bolsonaro), será defendida pela AGU. É como se o gerente assaltasse o próprio banco e o banco pagasse (e bem) seu causídico. Chama-se Açaismo jurídico!Image
 
Image
 
Espanha e Portugal passaram por longas ditaduras, que acabaram nos anos 70. Por lá ninguém pensa em questionar a democracia. Zero. E no Brasil os militares arrastam as correntes. Ameaçando com golpe. Dia sim, dia sim. Por lá, estariam presos esses insurretos institucionais.
Image
12
Abr22

TCU condena Janot e Dallagnol, que pode ficar inelegível pela corrupta e descarada farra das diárias dos malandros safados

Talis Andrade

lava jato vaza lama .jpg

 

247 - O Tribunal de Contas da União (TCU), em decisão unânime nesta terça-feira (12), responsabilizou o ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot e o ex-chefe da Lava Jato em Curitiba Deltan Dallagnol (Podemos) pelo pagamento de cerca de R$ 2 milhões em diárias e passagens a procuradores da força-tarefa da capital paranaense. A informação é de Lauro Jardim, do jornal O Globo.

O Ministério Público junto ao TCU entendeu que procuradores da força-tarefa poderiam ter usado opções mais econômicas de diárias e passagens. Em vez de serem transferidos para Curitiba, os procuradores recebiam ajuda para trabalhar na capital, como se estivessem em uma situação transitória.

lava jato diárias .jpeg

Além de Janot e Dallagnol, foi responsabilizado também o ex-procurador-chefe do Paraná, João Vicente Romã.  

Para Dallagnol, a decisão pode ter um sério desdobramento. Se o TCU condenar o ex-procurador em novo julgamento, que deve ocorrer em 60 dias, ele poderá perder seus direitos políticos e ficar inelegível. Dallagnol é pré-candidato a deputado federal pelo Podemos.Image

juizo janot .jpg

capa- janot a.jpg

02
Out21

Candidato a vereador arrasta e atropela advogada que participava do Fora Bolsonaro

Talis Andrade
Image
por Thiago Brasil
 
 
URGENTE!! Luciano Matias Soares (foto), o bolsominion que ATROPELOU e tentou matar uma pessoa na manifestação contra Bolsonaro em Recife tem sua prisão requerida pelo delegado! Ele foi candidato a vereador pelo PSC!! ELE ESTÁ FORAGIDO!! Ajude a encontrá-lo!

Motorista arrasta e atropela manifestante no centro do Recife

por Raíssa Ebrahim /MarcoZero

- - -

Um motorista dirigindo um Jeep Renegade preto (placas QYJ2E95), arrastou e depois atropelou uma manifestante do evento Fora Bolsonaro, no Centro do Recife, neste sábado (2). Após a finalização do ato, dezenas de manifestantes seguiram para o Armazém do Campo, espaço do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra, próximo ao local de dispersão da manifestação. Nas proximidades, haveria, às 14h, o lançamento da Frente Popular de Luta por Moradia no Centro, na Ocupação Leonardo Cisneiros, no prédio do INSS.

Reunido, um grupo se organizou para bloquear o trânsito na avenida Martins de Barros, na altura da ponte Maurício de Nassau, para atravessar a via com segurança e continuar em direção ao local de lançamento da Frente. Nesse momento, o motorista estava com o carro em cima da faixa de pedestres e, segundo as testemunhas, revoltou-se porque queria passar. Uma discussão foi iniciada e ele empunhou uma arma contra o grupo, segundo relatos da Comissão de Advocacia Popular da OAB-PE. Algumas pessoas cercaram o veículo na tentativa de conter os ânimos. A confusão escalou e ele, então, avançou com o veículo para cima da vítima, que não teve tempo de sair.

Para se proteger, ela se agarrou ao capô do carro e conseguiu levantar as pernas para cima. O condutor arrastou a mulher por cerca de 100 metros e freou bruscamente. Foi quando ela caiu no chão e ele passou por cima com o Jeep, atropelando as pernas e machucando a cabeça dela, que bateu no chão. A ativista foi socorrida e levada a um hospital particular no Recife. O quadro dela é estável, ela está consciente e teve múltiplas fraturas, além da pancada forte na cabeça. O nome da vítima não será informado nesta reportagem para preservá-la.

Pouco depois, o grupo de advogados da comissão de Advocacia Popular da OAB, que presta assistência jurídica às manifestações Fora Bolsonaro, informou que o nome do motorista é Luciano Matias Soares, também proprietário de veículo. Ele consta no site oficial do TRE como candidato a vereador pelo Partido Social Cristão (PSC) em 2012, quando obteve apenas 419 votos. No registro de sua candidatura, porém, informou a data de nascimento de 10 de fevereiro de 1973, exatos dez anos a menos do que consta na documentação dos órgãos de trânsito. Após o atropelamento, ele se evadiu do local. O carro não tinha qualquer identificação política ou partidária.

Uma consulta da placa no site do Detran revela que carro está com o IPVA de 2021 atrasado e acumula quase R$ 3 mil em multas de ao menos oito infrações de trânsito. As multas são por transitar pela contramão, excesso de velocidade, avançar sinal vermelho, estacionar em local proibido, dirigir usando celular e transitar na faixa de ônibus.

Até às 16h15min, a equipe da Marco Zero fez ligações telefônicas e por whatsapp para 11 números de telefones disponibilizados pelas equipes de assessoria de imprensa tanto da Secretaria de Defesa Social quanto da Polícia Civil de Pernambuco. Nenhuma ligação foi atendida. Assim, foram enviados e-mails com o seguinte conteúdo:

“Estamos acompanhando o caso do atropelamento intencional na rua Martins de Barros, ocorrido pouco depois de meio deste sábado, ao final da manifestação Fora Bolsonaro. Gostaríamos de confirmar se o proprietário do veículos de placas QYJ2E9, Luciano Matias Soares, se apresentou à central de plantões e registrou boletim de ocorrência informando que a vítima se jogou no capô do seu carro? Por fim, gostaríamos de saber qual unidade da Polícia Civil ficará a cargo das investigações?”

27
Abr21

Fidelix, do aerotrem, que morreu de covid, chamava isolamento de “louquidão”; vídeo

Talis Andrade

Fidelix, do aerotrem, que morreu de covid, chamava isolamento de “louquidão”; vídeo

VioMundo - O jornalista Rodrigo Vianna recuperou vídeo do ex-candidato ao Planalto pelo PRTB, Levy Fidelix, em que ele se refere ao lockdown como “louquidão” e critica medidas de isolamento social.

Fidelix morreu na sexta-feira, aos 69 anos de idade.

Embora a família não tenha informado a causa mortis, integrantes da legenda, que abriga o vice-presidente Hamilton Mourão, disseram que foi em consequência da covid.

No vídeo, os participantes falam que apossibilidade de uma  “segunda onda” era mentira e chamam a coronavac de “vachina”.

Apenas em abril deste ano, pico da segunda onda, mais de 17 mil pessoas já morreram por causa da covid em São Paulo, inclusive Fidelix.

Ele concorreu ao Planalto duas vezes. Também tentou se eleger prefeito de São Paulo em 2020, quando teve 11.960 votos.

As campanhas de Fidelix sempre enfatizaram a proposta de construir o “aerotrem” para desafogar o trânsito paulistano.

O vídeo é da campanha do ano passado e nele Fidelix revela sua fidelidade ao presidente Jair Bolsonaro, outro negacionista, dizendo que se fosse eleito abriria o comércio de São Paulo em plena pandemia.

Odilon Caldeira Neto
Morreu Levy Fidelix. Nos últimos anos, o PRTB deixou de ser apenas o partido do homem do aerotrem, após a aproximação com diversos grupelhos da extrema direita, inclusive neofascistas.Image
Thiago Brasil
Levy Fidelix vai ser lembrado pela frase do aparelho excretor (retrógrado e homofóbico) e por defender um governo que assassinou mais de 400 mil pessoas, inclusive ele mesmo.
O Antagonista
Morre Levy Fidelix
Morre Levy Fidelix | O Antagonista
Levy Fidelix morreu ontem à noite, aos 69 anos. Ele era o fundador e presidente do PRTB, partido de Hamilton Mourão. Disputou duas campanhas presidenciais, em 2010 e em 2014, e tornou-se conhecido...
oantagonista.com
www1.folha.uol.com.br/amp/poder/2021

Image

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub