Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil. As melhores charges. Compartilhe

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil. As melhores charges. Compartilhe

O CORRESPONDENTE

10
Set22

Meu Brasil, por Lara Abreu (vídeo musical)

Talis Andrade

Meu Brasil - Lara Abreu - YouTube

 

Brasil, deixa eu te contar sobre essas vivências
Essas histórias que a gente ainda enfrenta
Os anos passam, passam, mas voltamos pra trás
Será que somos os mesmos? Será que somos iguais?
 
Brasil, aí por favor eu sinto medo
Medo do que você vem se tornar
Das árvores que vem a sumir
Desses homens que vem a matar
Desses corpos se espalhando aqui
Dessa gente que vem a chorar
 
Brasil, nossos heróis dessa vez estão sem voz
Ou se calaram pra gente?
Ou se calaram por nós?
E agora já andamos a sós?
 
Mas o mundo anoitece doutor
 
Tá vendo aqui, a história se repetindo de novo
O tempo não passa, esperamos que acabe toda essa farsa
Eu quero ver antes que venha aquilo tudo voltar
 
Essa agonia no meu peito me diz que dias ruins vão chegar
Vou precisar falar escondendo o meu rosto, fingindo o olhar
Abrir minha mente, pra saber agora como devo lutar
 
Sinta essa dor, todo artista que gritou tá precisando voltar
É um retrocesso tão grande!
Brasília já tá cheia de militar
Quem vai nos parar, que vai nos calar
Meus amigos, aonde vamos chegar?
 
Vem me escutar
Eu imploro, venha ouvir essas pessoas chorando
Gritando por socorro antes que voltamos pra 64 de novo
Venha acreditar em mim
Não venha achar que
 
Não pode acontecer
Cê sabe como é
Não venha querer ver
 
Que o mundo se apaga doutor
 
Pra uns é mais rápido do que pra outros, já pode ouvir
Arma só serve pra uma coisa não venha querer discutir
O vento vai, mas já trouxe tanta morte aqui
E todo sangue que perdemos, será que ainda foi pouco?
E olha só, já tem gente comemorando tudo isso de novo
Será que tão conseguindo nos ouvir?
 
Mas tô aqui
Não vou falar só pelos outros, eu falo por mim
Que vou resistir mesmo que não tenha mais ninguém aqui
Vou tá cantando, incomodando
Antes que seja tarde vou continuar lutando
 
Então me de sua mão
Deixa eu te mostrar
Como a vida está
Deixa eu te mostrar, vem cá, vem cá, vem ca
 
Que o mundo já tá cego doutor
 
Mas tamo assim
Não venha falar que isso é vitimismo nosso
Não venha falar, já que você não tá na lista de próximo a tá caído, jogado no chão por aí Sendo impedido de ser quem você é
Chamado de louco por ser quem você quer
Levando cuspida no rosto
Não sendo aceito naquele emprego de novo
 
Tudo é muito pouco, todo dia se torna muito, tá tudo de mais
É um sufoco, cada dia que passamos voltamos pra trás
Já não andamos mais em paz
Não nos querem aqui, já não aguento mais
 
Mas tô aqui, e mesmo que não me queira, eu não vou sumir
Esse país também é nosso
E esse seu "mito" não vai nos impedir
Vai me ouvir, vai me ouvir, vai me ouvir
E vai me ver
 
Crescer
Vai nos ver chegar
Vai nos ver viver
Ocupar todo lugar
 
Porque o Brasil também é meu
O Brasil também é meu
Esse país também é meu
 
A luta não acabou doutor
Esse país também é nosso
E ele é laico
E ele é livre
 
A luta não acabou doutor
Esse país também é nosso
E ele é laico
E ele é livre
 
A luta não acabou doutor
Esse país também é meu
E ele é laico
 
E ele é livre
 

11
Mai18

de Lara Abreu Céu de Brasília (letra & música)

Talis Andrade

 

céu de brasília lara abreu .jpg

 

 



Estou sentada sob o céu de Brasília
Encantada com o céu de Brasília
Apaixonada pelo céu de Brasília
Enfeitiçada com o céu de Brasília

 

Estou olhando para o céu de Brasília
Desejando esse céu de Brasília
estou amando o céu de Brasília
Ah! Céu de Brasília

 

É! céu de Brasília, como é que é
parada na vida, olhando a pé
preparada para ter mais fé
com tudo que vejo me leva até

 

Ter mais tempo pra viajar
Na minha cabeça e nunca parar
Ver a natureza e sentir o ar
Vem a chance de recomeçar

 

E ver o que a vida tem de melhor
olhar para mundo, e não estou só
lembrar que a gente é como um pó
que o vento leva sem ter dó

 

Vem na hora querer mudar
pensar numa historia pra comemorar
cada segundo aproveitar
e nunca querer parar

 

deitar na grama e nela rolar
se o tempo passar eu nem vou ligar
apenas pra cima querer olhar
e pensar

 

Que estou olhando para o céu de Brasília
desejando esse céu de Brasília
estou cantando para o céu de Brasília
estou dançando com o céu de Brasília

 

que coisa mais linda não dá pra aguentar
como conseguir passar sem olhar
pra todas as cores e não contemplar
não entendo como não parar

 

para ver, para pensar
que maravilha poder estar
sentada aqui vendo tudo mudar
e essas cores ao te enfeitiçar

 

esquecer tudo o que é ruim
apenas sentir o momento aqui
parar tudo e refletir
que cena mais linda é só assistir

 

E ver que o mundo pode sorrir
com algo tão simples sem resistir
nesse momento só vai ouvir
que qualquer problema vai ter fim

 

parece magia o que pode fazer
toda energia vai te comover
e lembrar que tudo vai melhorar
é apensas querer

 

parar
pra olhar

 

parar
pra olhar

 

Estou sentada sob o céu de Brasília
Encantada com o céu de Brasília
Apaixonada pelo céu de Brasília
Enfeitiçada com o céu de Brasília

 

Estou olhando para o céu de Brasília
Desejando esse céu de Brasília
estou cantando para o céu de Brasília
estou dançando com o céu de

 

Brasília

 

 

 

10
Mai18

LARA ABREU Céu de Brasília (vídeo)

Talis Andrade

lara abreu.jpg

 

 

 

Estou sentada sob o céu de Brasília
Encantada com o céu de Brasília
Apaixonada pelo céu de Brasília
Enfeitiçada com o céu de Brasília

Estou olhando para o céu de Brasília
Desejando esse céu de Brasília
estou amando o céu de Brasília
Ah! Céu de Brasília

É! céu de Brasília, como é que é
parada na vida, olhando a pé
preparada para ter mais fé
com tudo que vejo me leva até

Ter mais tempo pra viajar
Na minha cabeça e nunca parar
Ver a natureza e sentir o ar
Vem a chance de recomeçar

E ver o que a vida tem de melhor
olhar para mundo, e não estou só
lembrar que a gente é como um pó
que o vento leva sem ter dó

Vem na hora querer mudar
pensar numa historia pra comemorar
cada segundo aproveitar
e nunca querer parar

deitar na grama e nela rolar
se o tempo passar eu nem vou ligar
apenas pra cima querer olhar
e pensar

Que estou olhando para o céu de Brasília
desejando esse céu de Brasília
estou cantando para o céu de Brasília
estou dançando com o céu de Brasília

que coisa mais linda não dá pra aguentar
como conseguir passar sem olhar
pra todas as cores e não contemplar
não entendo como não parar

para ver, para pensar
que maravilha poder estar
sentada aqui vendo tudo mudar
e essas cores ao te enfeitiçar

esquecer tudo o que é ruim
apenas sentir o momento aqui
parar tudo e refletir
que cena mais linda é só assistir

E ver que o mundo pode sorrir
com algo tão simples sem resistir
nesse momento só vai ouvir
que qualquer problema vai ter fim

parece magia o que pode fazer
toda energia vai te comover
e lembrar que tudo vai melhorar
é apensas querer

parar
pra olhar

parar
pra olhar

Estou sentada sob o céu de Brasília
Encantada com o céu de Brasília
Apaixonada pelo céu de Brasília
Enfeitiçada com o céu de Brasília

Estou olhando para o céu de Brasília
Desejando esse céu de Brasília
estou cantando para o céu de Brasília
estou dançando com o céu de

Brasília

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2023
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2022
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2021
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2020
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2019
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2018
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2017
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub