Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

O CORRESPONDENTE

18
Jun17

O jogo da Baleia Azul esconde estórias escabrosas de estupro, incesto, bullying e outros crimes praticados contra crianças e adolescentes

Talis Andrade

Uma onda de mortes considerada do jogo da Baleia Azul sacode a imprensa safada e sensacionalista, mas os casos realmente investigados, por policiais sérios, comprovaram que eram os costumeiros crimes da tradição de incesto e da cultura de estupro que terminaram em suicídios ou brutais assassinatos.

Na cidade de Santa Inês, Maranhão, onde estudava Thalia Mendes Meireles na Escola Horas Alegres, um estudante de doze anos estuprou e assassinou uma criança de sete. Herança maldita, a cultura do estupro passa dos mais velhos para os jovens. Thalia Mendes foi, durante dois anos, violentada pelo "próprio pai", o empresário José Meireles da Silva, proprietário de uma rede de supermercados, que continua solto, que os ricos nunca vão presos. Thalia morreu no dia 13 de abril último, Quinta-Feira Santa.

jose meireles.jpg

O incestuoso filicida José Meireles da Silva pai de

thalia mendes nova foto.jpg

 Thalia Mendes, 15 anos, estudante que morreu enforcada, e deixou belos poemas escritos, um romance e um diário inacabados.

pastor-preso-em-Campos-Novos-Foto-Policia-Civil-CN

 

Um pastor de 47 anos (a imprensa covarde e vendida mostra o tarado de costas, e publicou apenas as iniciais do seu nome  P.R.) foi preso em Campos Novos, em Santa Catarina, por estuprar uma menina de 12 anos que frequentava a igreja que ele pregava. O pastor pedófilo convenceu a criança de que ela estava possuída pelo demônio. E prometeu que Deus iria dar a ela uma missão. Dias depois, enviou uma mensagem para o celular da garota afirmando que ela sofria com um feitiço que, para quebrá-lo, precisava ter relações sexuais, pelo menos sete vezes, com um homem de fé que fosse casado. A menina terminou procurando o pastor em busca de orientação, e os abusos sexuais aconteceram, com o desvirginamento no primeiro dia. A menina, com medo, falou que estava no jogo da Baleia Azul.

O pastor habilitou um celular em nome de uma frequentadora da igreja e usou o aparelho para mandar mensagens para outras duas vítimas, adolescentes de 15 e 16 anos, se passando por um colega delas. Ele usou a mesma história do feitiço. 

As adolescentes procuraram o pastor e mostraram as mensagens. Ele aproveitou o fato de ser visto como autoridade religiosa para levar a conversa para o lado sexual. A família da menina de 15 anos, no entanto, ficou sabendo e registrou um boletim de ocorrência contra o pastor lascivo, escruto, mentiroso, libidinoso, carnal, impudico, covarde, desregrado, devasso, concupiscente, sórdido, animal, demoníaco.

Nos tempos de hoje uma criança precisa ser muito debilóide para cair na história da Baleia, idem uma adolescente ir na estória de pastor galã de filme pornô. 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub