Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

O CORRESPONDENTE

06
Jun18

Moro recebido como rei no "principado de Monaco que tem como maior atrativo a fama de paraíso fiscal"

Talis Andrade

moro bola.png

 SUPER INTERESSANTE Moro recebe bola do príncipe Alberto II de Monaco. Para homenagear o País do Futebol e lembrar o primeiro homenageado da Associação Brasil Mônaco, o jogador Ronaldo 

 

kennedy-moro monaco.jpg

 

O último final de semana foi de novas homenagens internacionais ao juiz federal Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato. Depois da honraria de Pessoa do Ano, promovida pela Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos em Nova York, nos Estados Unidos, foi a vez de Moro ser o homenageado na quarta edição do Brasil Mônaco Project, festa anual organizada no pequeno principado europeu por Luciana de Montigny, mulher do cônsul brasileiro, informa a revista Veja.

 

Conjunto de jantar, baile de gala e leilão beneficente, a ação está na sua quarta edição e tem a renda revertida para projetos sociais e já destinou verbas, no passado, a projetos como o Criança Esperança. De acordo com a coluna Painel, do jornal Folha de S.Paulo, o custo de um convite individual para participar do jantar era de 1.000 euros (4.426 reais, pela cotação desta terça-feira).

 

A propaganda de Moro esconde: o primeiro homenageado do Painel, em maio de 2013, foi o jogador Ronaldo. Veja vídeo:

 

Além do jantar em si, segundo a Folha, o juiz Sergio Moro assistiu a uma ópera no camarote real do cassino Monte Carlo, ao lado do príncipe de Mônaco, Alberto II. Em seu discurso, Moro agradeceu às autoridades do principado pela cooperação internacional com as investigações da Lava Jato – "diversos citados na operação enviaram valores desviados da Petrobras para contas no principado". Com o uso do "diversos", quando foi pego, e solto, apenas um traficante de moedas, fica registrada uma informação mentirosa do juiz ou da revista Veja

 

Creio que um cassino não é o local ideal para se falar de combate à corrupção. Seria o mesmo que ser homenageado em um cassino de Las Vegas ou Goa.

 

Tem mais, informa a Wikipédia: "O maior atrativo do Mónaco é a fama de 'paraíso fiscal' do principado: lá, os investidores não estão sujeitos a impostos sobre renda".

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub