Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

O CORRESPONDENTE

15
Set18

LINCHAMENTO Como agressor de Bolsonaro escapou de morrer

Talis Andrade

adelio-bispo.jpg

Adélio preso no prédio Nagem Assad

adelio policia.jpg

 Adélio acorrentado e sentado no chão do quartel da PM

 

 

Escreve Marcelo Auler: Decidido a cometer seu ato tresloucado, na quinta-feira (06/09), ao deixar a pensão em que residia em Juiz de Fora (MG), Bipo de Souza tinha em mente que não retornaria à mesma.

 

Estava certo que morreria naquela tarde, espancado pelos seguidores de Bolsonaro ou mesmo em uma reação da própria polícia, como contou aos advogados.

 

“Ele disse que até chegou a colocar uma despedida no Facebook”, explicou Pedro Augusto Lima Possa, um de seus quatro defensores.

 

Não morreu, mas apanhou muito após esfaquear Bolsonaro, quando este era conduzido no ombro de correligionário no famoso calçadão da Rua Halfeld, esquina da Rua Batista de Oliveira, no centro de Juiz de Fora.

 

Este detalhe desmente Flávio Bolsonaro. No sábado, na internet, ao rejeitar a fama de violentos impingida aos seguidores de seu pai, alegou: “A gente nunca agiu de violência com ninguém. Sempre discutimos no campo das ideias. Se fossemos violentos esses marginais não sairiam com vida daquela multidão. Não sairiam ilesos”. Veja foto aqui do início do linchamento. Veja fotos do linchamento

 

Como sempre ocorre nesses momentos, sem que qualquer liderança consiga deter, a violência contra o agressor foi imediata. As consequências só não foram piores por Adélio ter sido isolado. Mas, ileso, ele não saiu. Tanto que, no dia seguinte, queixou-se diante da juíza Patrícia que fez constar do Termo da Audiência: “Tendo em vista que o custodiado reclamou de dores no corpo durante sua oitiva, determino que passe por atendimento médico junto ao CERESP (Centro de Remanejamento do Sistema Prisional), antes de sua transferência ao presídio federal”. [Transcrevi trechos. Leia Salvo por um desconhecido ]

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub