Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

19
Ago18

Juiz Sérgio Moro é cúmplice da roubalheira tucana e um dos autores do golpe

Talis Andrade

banestado-caso-das-contas-cc5.jpg

 

por Emanuel Cancella

__

Moro deixou pela estrada muita gente boa que apostava em sua boa fé e o chamavam de “Meu Herói”. Eu, de pronto, duvidei das boas intenções de Moro, não por empirismo ou espiritismo, mas por sua trajetória.

 

Por outro lado, muita gente, principalmente nos sindicatos, até duvidava de Moro, mas se calou com medo. E tinham razão, Moro intimou as pessoas que o criticavam como exemplo o blogueiro, Eduardo Guimarães, e dois  sindicalistas: eu e Roberto Ponciano.

 

Guimarães foi através da extinta Condução Coercitiva, muito usada na ditadura militar, e retomada no golpe de 2016. E novamente extinta pelo STF. Assim o recado de Moro estava dado, bateu levou!

 

Minha 1ª intimação foi na véspera do lançamento do livro A Outra Face de Sérgio Moro – Acobertando os Tucanos e Entregando a Petrobrás, mas o livro saiu.

 

Minha desconfiança em relação ao juiz Sergio Moro foi focada principalmente devido ao escândalo do Banestado em 2003. Segundo o senador Requião, em discurso no plenário do Senado: “O maior escândalo de corrupção no país não foi o Mensalão, o petrólão, foi o do Banestado que surrupiou meio trilhão de reais dos cofres públicos. Um escândalo exclusivamente tucano e nenhum deles foi preso”. E o chefe da investigação foi o juiz Sergio Moro (1).

 

Desconfiei também porque Moro foi premiado pela Globo. Lógico que para dar-lhe visibilidade. Essa mesma Globo comparava a Petrobrás a um paquiderme e chamava os petroleiros de marajás, numa dobradinha com o tucano FHC em seu governo que tentava, a qualquer custo, privatizar a Petrobrás. Não conseguiu, na ocasião!

 

Como diria Sherlock Holmes, elementar meu caro Watson, se Moro estava com a Globo, Moro não veio salvar a Petrobrás, mas sim facilitar sua entrega. Mas a imprensa, para ludibriar a sociedade, diz que a Lava Jato veio para combater a corrupção e para salvar a Petrobrás.

 

É importante também deixar claro o papel golpista da Lava Jato: foi de vazamento de delação premiada da operação Lava Jato que saiu a farsa, às vésperas da reeleição de Dilma, que dizia que Dilma e Lula sabiam da corrupção na Petrobrás. Embora o TSE tenha proibido a divulgação do fake News, a revista Veja publicou em matéria de capa e o Jornal Nacional da Globo ainda replicou (2).

 

Os delegados da Lava Jato, no blog de campanha de seu candidato, Aécio Neves, chamaram Dilma de “Anta” (7). Se não respeitam uma senhora que era naquele momento a presidenta do Brasil, vão respeitar a lei?

 

Seguindo nas irregularidades, foi o próprio Moro que assumiu o grampo e o vazamento ilegal do telefonema da então presidenta Dilma para o ex-presidente Lula (3).

 

Moro, na Lava Jato, que investiga a Petrobrás, toma o mesmo rumo da investigação do Banestado: delação premiada contra os tucanos não vale.

 

Tucanos como FHC, Anastasia, Serra e Aloysio Nunes,  entre outros, nunca as delações contra eles são validadas e ninguém muito menos viu vazamento de delação de tucano. Com destaque para o tucano Aécio Neves, embora  recordista de delações na Lava Jato, nunca sequer foi molestado, e continua senador da República, livre, e pode ser candidato.

 

Aécio mesmo sendo recordista de delações na Lava Jato, como deboche, cobra arrependimento de Lula (4).

 

Para mostrar a ligação umbilical de Moro com os tucanos, em novembro de 2016, protocolei denúncia de omissão da Lava Jato em relação à gestão criminosa de FHC e Pedro Parente na Petrobrás. Até hoje sem reposta. Veja denúncia na íntegra (8).

 

Mas Moro, chefe da Lava Jato, do combate à corrupção, na Petrobrás, permitiu que o tucano Pedro Parente, mesmo sendo réu, desde 2001, quando deu um rombo bilionário na companhia, assumisse a presidência da companhia (5).

 

Vale lembrar que para entrar Petrobrás só através de concurso público e o candidato se submete à investigação social, ou seja, jamais alguém réu que tenha dado prejuízo na companhia, como Parente, poderia fazer parte de seus quadros.

 

E Pedro parente, com a certeza da impunidade, e contando com a omissão da Lava Jato, ainda mandou pagar R$ 2 BI ao banco J.P. Morgan de um empréstimo que só venceria em 2022 . E Parente é sócio do banco (6).

 

O fato é que Moro, com apoio da mídia, não responde a nenhum dos escândalos, joga tudo para baixo do tapete. Na verdade, a Lava Jato há muito deixou de ser uma operação: E se cobrir com lona, vira circo; se trancar a porta, vira hospício.

 

moro banestado.jpg

 

 

Fonte:

1https://www.ocafezinho.com/2015/10/03/requiao-relembra-banestado-roubalheira-tucana-desviou-meio-trilhao/

2https://politica.estadao.com.br/noticias/eleicoes,tse-proibe-veja-de-fazer-propaganda-de-capa-com-dilma-e-lula,1582467

3http://g1.globo.com/pr/parana/noticia/2016/03/pf-libera-documento-que-mostra-ligacao-entre-lula-e-dilma.html

4https://www.brasil247.com/pt/247/minas247/255474/Recordista-em-dela%C3%A7%C3%B5es-A%C3%A9cio-Neves-cobra-arrependimento-de-Lula.htm

5https://www.redebrasilatual.com.br/blogs/helena/2016/06/presidentes-da-petrobras-e-do-bndes-sao-reus-em-acao-por-rombo-bilionario-9872.html

6http://www.jb.com.br/pais/noticias/2018/05/25/banco-presidido-por-socio-de-pedro-parente-recebeu-r-2-bi-da-petrobras-diz-revista-eletronica-2/

7https://www.brasil247.com/pt/247/parana247/160325/Delegados-da-Lava-Jato-atacam-PT-na-internet.htm

8http://www.fnpetroleiros.org.br/noticias/3901/petroleiro-denuncia-a-operacao-lava-jato-ao-mpf-veja-na-integra-teor-da-denuncia-protocolada-ontemmoro

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub