Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

Os melhores textos dos jornalistas livres do Brasil

O CORRESPONDENTE

07
Jul17

BALEIA AZUL O linchamento de um negro

Talis Andrade

A polícia que mata jovens negros apresenta o curador do jogo da morte no Brasil e em vários países. 

 

Cantanhede chefe curador da baleia.jpg

 

 

Jardson Catanhede Amorim, 19 anos, um pobre morador de uma comunidade rural quilombola, formada por descentes de escravos, em Cumbila, povoado de Bequimão, no Maranhão, uma região atrasada do Brasil terceiromundista (veja no vídeo a moradia miserável do acusado, semi-analfabeto, monoglota, camponês, trabalhador de enxada). 

 

Desse coitado diz uma delegada, em um programa sensacionalista de televisão comprada com o dinheiro do tráfico da Colômbia:


"O local simples não impediu que aspectos negativos propiciados pelos avanços das tecnologias da informação, a exemplo da internet, propiciem aos criminosos revelar a extrema crueldade que um ser humano pode cometer se escondendo através de um perfil falso nas redes sociais, de forma a lhe garantir 'anonimato' e, assim, orientar jovens a se mutilarem fisicamente e psicologicamente para depois subtraírem sua vida", acusa a delegada Vanessa Lee, gaguejante e insegura.

 

"O local" mostra um Brasil real da mais extrema miserabilidade.  

 

Jardson Catanhede foi denunciado por uma adolescente de Belém, capital do Pará, que confessa desejar o suicídio, porque não se sente amada pela mãe. Estudante, 17 anos, não revela os motivos de se sentir abandonada.

 

A TV mostra a vítima que veste blusa de mangas curtas e short curt. No lindo corpo, nenhuma marca do jogo.

 

Desafio 1: Com uma navalha, escrever "a sigla F57" na palma da mão.

 

Desafio 2: Cortar o braço com uma lâmina. "Três cortes grandes".

 

Desafio 5: Escrever "Sim", com uma gilete, na perna. 

 

São 50 desafios.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub