Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

09
Jan18

Por que o Rio Grande do Norte quebrou

Talis Andrade

Augusto Nunes  na Veja golpista: "Com palavras e imagens, esta página tenta apressar a chegada do futuro que o Brasil espera deitado em berço esplêndido. E lembrar aos sem-memória o que não pode ser esquecido.


Saiba em 10 segundos por que o Rio Grande do Norte quebrou.


Robinson Faria anunciou há quatro anos o plano que havia planejado para levar o Rio Grande do Norte à falência

 

Em 2014, para oficializar seu apoio ao candidato do PSD ao governo do Rio Grande do Norte, Lula gravou um vídeo em que cobre de elogios o companheiro Robinson Faria (veja a íntegra aqui). O fecho de ouro, reproduzido acima, explica em 10 segundos por que o aliado do ex-presidente conseguiu levar o Estado à falência em apenas quatro anos.

 

Augusto Nunes culpa Lula. O apoio de Lula elegeu Robison Faria governador. Acontece que nas eleições de 2014 Lula não era mais presidente do Brasil, e sim um cidadão como qualquer outro. Foi um apoio eleitoral.

 

A causa da falência do Rio Grande do Norte e de outros Estados a exemplo do Rio de Janeiro, o segundo mais rico do Brasil, está no entreguismo das riquezas do Brasil, no desperdício do dinheiro público e na corrupção generalizada nos três poderes. 

 

Conheça o inexplicável e diferenciado salário de um desembargador potiguar. 

 

TJ-RN salário desembargador.jpg

 

Pense em São Paulo que o Tribunal de Justiça do Estado possui 360 desembargadores.

 

Pelo medo de quem tem o rabo preso, os governadores não denunciam esse avanço no dinheiro público. Dilma reclamou, e foi golpeada.

 

Todo governador ladrão fica calado. A justiça brasileira é cara para os cofres públicos dos Estados e da União. São palácios e mais palácios com suas respectivas cortes. Palácios da Justiça Estadual, da Justiça Federal, dos Tribunais Militares em tempos de paz, dos Tribunais Eleitorais em anos ímpares sem eleições, Tribunais do Trabalho sem trabalho com o rasga da CLT e a reforma trabalhista de Temer, Tribunal de faz de conta que faz as Contas. Existem até Tribunais de Contas municipais.

 

 Pelo luxo, pela ostentação, a justiça é cara demais para o sofrido povo brasileiro em todos os sentidos. 

 

Os togados recebem salários acima do permitido pela Constituição, mais auxílios e prendas mil.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D