Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

02
Out17

Para a direita mulher nua pode, homem não (terceira parte)

Talis Andrade

 

 

NOTA DE ESCLARECIMENTO


O Museu Arte de Moderna de São Paulo informa que a performance 'La Bête', que está sendo questionada em páginas no Facebook, foi realizada na abertura da Mostra Panorama da Arte Brasileira, em apresentação única.


A sala estava devidamente sinalizada sobre o teor da apresentação, incluindo a nudez artística, seguindo o procedimento regularmente adotado pela instituição de informar os visitantes quanto a temas sensíveis.


O trabalho apresentado na ocasião não tem conteúdo erótico e trata-se de uma leitura interpretativa da obra Bicho, de Lygia Clark, historicamente reconhecida pelas suas proposições artísticas interativas.

 

Lygia.jpg

 Lídia nasceu em Belo Horizonte e faleceu no Rio Janeiro em 1988, aos 67 anos. Dois dos seus quadros foram leiloados por 7,5 milhões em 2013, preços récordes no Brasil  


Importante ressaltar que o material apresentado nas plataformas digitais não apresenta este contexto e não informa que a criança que aparece no vídeo estava acompanhada e supervisionada por sua mãe. As referências à inadequação da situação são resultado de desinformação, deturpação do contexto e do significado da obra.


O MAM reafirma que dedica especial atenção à orientação do público quanto ao teor de suas iniciativas, apontando com clareza eventuais temas sensíveis em exposição.


O Museu lamenta as interpretações açodadas e manifestações de ódio e de intimidação à liberdade de expressão que rapidamente se espalharam pelas redes sociais.


A instituição acredita no diálogo e no debate plural como modo de convivência no ambiente democrático, desde que pautados pela racionalidade e a correta compreensão dos fatos.

 

--

Nota deste CORRESPONDENTE: As "manifestações de ódio" foram provocadas pelo MBL, um movimento nazi-fascista financiado por agências de espionagem internacionais, empresários que exploram as riquezas do Brasil e banqueiros. Conservadores que financiaram o golpe para derrubar Dilma Rousseff.

 

São terroristas liderados pelo ex-militar Bolsonaro e filhos também deputados, prefeito Dória de São Paulo, quadrilhão da Câmara dos Deputados e a Fiesp que financiou o golpe contra Jango em 1964.

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D