Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

08
Nov17

Famosas marcas brasileiras Brastemp, Consul e KitchenAid acusadas de traficar dinheiro

Talis Andrade

courrierpicard. paraíso fiscal.jpg

 

 

 

O Primeiro Mundo tem uma inveja danada das empresas brasileiras. Não reconhece a nacionalidade, e denuncia o tráfico de absurdos lucros desviados para os paraísos fiscais. Uma sonegação que o ministro Henrique Meirelles, da Fazenda, não reconhece. 

 

A acusada hoje pela imprensa francesa, a Whirlpool Corporation no Brasil, liderança de marca e de produtos como  Brastemp, Consul e KitchenAid. 

 

No Brasil, a empresa possui 3 fábricas, 2 escritórios administrativos, 4 centros de tecnologia, 23 laboratórios e 3 centros de distribuição, e paga os maiores e melhores salários do mundo, conforme reconhecimento das centrais sindicais. 

 

Conforme ficou constatada pela magna investigação do BanEstado, promovida pelo destacado e único juiz Sergio Moro e sua polícia federal particular, nenhuma grande empresa ou fortuna brasileira jamais traficou dinheiro. Um reconhecimento público do presidente Michel Temer, que acaba de assinar o perdão de injustas multas bilionárias devidas pelos banqueiros.  

 

depeche. paraíso fiscal .jpg

 

Eis uma frase que jamais será lida na imprensa brasileira. Porque desnecessária. Tanto que o Brasil pretende transformar todas empresas do Estado, como a Eletrobrás, em multinacionais:

 

 

Les révélations des Paradise papers, qui montrent l'ampleur de l'évasion fiscale pratiquée par les multinationales et les milliardaires, suscitent de vives réactions. L'UE, qui les juge «choquantes», réclame des «sanctions dissuasives». Reste à savoir comment traduire la volonté des Etats vertueux sur le terrain fiscal.

 

 

Les paradis fiscaux

 

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D