Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

02
Fev18

Enquanto a febre amarela mata os pobres os juízes invadem Brasília pelo direito de continuar entre 1% mais ricos

Talis Andrade

AUTO_jarbas-2.jpg

moro edifício .jpg

 

 

O mosquito que transmite a febre amarela e o dengue não é democrático. Ataca os pobres moradores de casas sem água encanada, e de ruas sem calçamento, sem saneamento, sem auxílio nenhum. Auxílio é direito exclusivo de togado. Ô povinho cheio de direitos e luxento. 

 

Brasil tem 20,6 de lares sem rede de esgoto. 31 milhões de brasileiros pobres permanecem sem água encanada para as castas dos togados e dos militares viverem no mais alto luxo.  

 

No jornal de hoje um retrato do Brasil real: os 1 por cento mais ricos defendem a manutenção do auxílio moradia, enquanto o governador do Estado e o prefeito da Capital de São Paulo "cortam a verba contra mosquitos". 

 

BRA_FDSP-2.jpg

claudio-2.jpg

mario bretas moradia justiça.jpg

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D