Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

O CORRESPONDENTE

21
Set17

Da leveza de ser livre

Talis Andrade

 

 

 

matisse_icaro.jpg

 

Vencer o medo de ver

e conhecer

Vencer o medo

de pular da cama

para enfrentar a multidão

Deixar a prisão

a casa

o caixão

Desatar os laços

quebrar as alianças

com os inimigos

quebrar os angustiantes elos

com os governantes

e sair por aí

 

Livre

pelas ruas

Livre

dos flagelos do mundo

Livre

das contaminações

dos ídolos

Livre

da prostituição

Livre

do que é sufocado

e do sangue

Livre

subir as escadarias

do templo

dançando e cantando

louco de Deus

bêbado de Deus

dançando e cantando

na leveza

na inteireza de ser

 

 

----

Ilustração: Ícaro, Henri Matisse


Mais poesia de Talis Andrade aqui 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D