Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

07
Nov17

A propaganda enganosa de "frear alta na conta de luz" se o Brasil entregar todas as hidroelétricas aos estrangeiros

Talis Andrade

Privatização no Brasil rima com corrupção.

 

Fernando Henrique presidente promoveu a venda de 70 por cento das estatais. Até para fazer sexo, Fernando Henrique realizou leilões quermesses. Conta Laerte Braga:

 

"Quando viu Edma Frade pela primeira vez, em Belo Horizonte, FHC se encantou com a mulher do jornalista Wilson Frade, um dos mais importantes de Minas à época. Uma dessas belezas que chamam a atenção, o ex-presidente logo se apaixonou. E partiu para cima. Edma não se fez de rogada e aceitou a corte de FHC. O casal começou os encontros não tão furtivos assim no Palácio das Mangabeiras, sob as bênçãos do governador do estado, Eduardo Azeredo. Até aí nada de novo no front. Ocorre que Edma era lobista da Andrade Gutierrez, que ao lado das empresas da família Jereissati e da Telefónica Espanhola, concorriam no processo de privatização da TELEMIG".

 

Vale perguntar, de que poço sem fundo FHC tirou o dinheiro para comprar apartamentos de luxo, para a amante jornalista da TV Globo, em Barcelona, para a atual companheira em São Paulo, para um segundo apartamento em São Paulo onde reside, além do apartamento em Paris, uma fazenda em São Paulo com um aeroporto clandestino? Outros bens foram adquiridos, que os filhos vivem principescamente.

 

O entreguismo no Brasil é tão descarado que se combate o nacionalismo, que passou a ser confundido com xenofobia.

 

Os traidores da Pátria falam sem pejo em vender a Amazônia, os aquíferos, a Eletrobrás, a estatal das hidroelétricas, o que significa, também, a entrega dos rios brasileiros à pirataria internacional.

 

Os interessados nas riquezas do Brasil financiaram o golpe do pigmeu Michel Temer do quadrilhão do PMDB na Câmara dos Deputados, que fazia dupla com o ladrão Eduardo Cunha.

 

Veja a propaganda enganosa, para vender a Eletrobrás, de um jornal safado, antipatriota, quinta-coluna.

 

O descaramento da promessa mentirosa

 

Globo luz.jpg

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D