Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O CORRESPONDENTE

O CORRESPONDENTE

30
Jul17

A cada cinco dias, uma criança é estuprada dentro da escola, no Rio

Talis Andrade

O Brasil, um país nada cordial. Da tradição do incesto, que não é crime, e da cultura do estupro. Das 500 mil prostitutas infantis. De meninas que realizam trabalho escravo. O bullying nas escolas. Uma cruel realidade que causa suicídios e tentativas de suicídio de crianças e adolescentes. 

 

Apenas o estado do Rio tem, em média, um caso de estupro em escolas a cada cinco dias. De janeiro de 2016 a abril deste ano, 89 casos foram registrados em unidades de ensino, como mostra um levantamento inédito feito pelo EXTRA com base em microdados do Instituto de Segurança Pública (ISP) obtidos via Lei de Acesso à Informação.

 

Os dados do ISP não discriminam se o crime ocorreu numa escola municipal, estadual, particular ou mesmo num estabelecimento de ensino superior. Das 82 vítimas com data de nascimento identificada no registro, porém, 74 eram menores de idade na época do crime, e 50 tinham 10 anos ou menos. Levando-se em consideração os locais onde os crimes aconteceram, casos de abusos sexuais em escolas superam os registros em estabelecimentos comerciais, em prédios públicos e meios de transporte. Ao todo, 65% dos crimes do tipos acontecem na própria casa da vítima.

 

estupro-escola-rio.jpg

 

 

 

Para esconder este Brasil nada cordial, os governos estaduais, municipais e federal espalham, desde abril último, a lenda da baleia azul, o jogo da morte. Como se fosse da natureza de toda criança o desejo de sofrer, de automutilação durante 50 dias de abandono dos pais e escola.  

 

Foram registrados, no período, 6.222 casos de estupro no estado, média de 13 por dia. Quatro em cada dez vítimas são crianças, com menos de 12 anos — 444 delas, 7% do total, são bebês de até 3 anos.

 

Na semana passada, a Polícia Civil apreendeu cinco adolescentes acusados de participar de um estupro coletivo contra uma estudante de 13 anos dentro do Colégio estadual Padre Mello, em Bom Jesus do Itabapoana, no Noroeste Fluminense.

 

colegio padre mello.jpg

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D