Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O CORRESPONDENTE

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

Por que o brasileiro continua um analfabeto político? Como conviver com a ameaça de uma intervenção militar? Este Correspondente tenta buscar respostas na leitura dos jornais

O CORRESPONDENTE

22
Nov17

Brasil um país devolvido à geografia mundial da fome

Talis Andrade

Todos os dias ou toda semana existe uma notítica triste para os brasileiros? Escreve Xico Sá: "A notícia mais triste do Brasil nesta semana: Menino de 8 anos desmaia na escola e marca um país devolvido à geografia mundial da fome". 

 

BRA_CB-1 fome .jpg

 

 

Acescenta Xico Sá:

Michelzinho e demais filhos de autoridades não têm nada a ver com isso, são inocentes e devem ser protegidos. Tirem as crianças da sala. Gostaria, no entanto, que seus pais não ignorassem a notícia mais triste desta semana entre tantos péssimos relatos brasileiros: um menino de 8 anos desmaiou de fome em uma escola pública na vizinhança dos palácios de Brasília. O agente de saúde do Samu que atendeu ao chamado de uma professora constatou a doença: falta de comida.

Morador de um conjunto do Minha Casa, Minha Vida, no Paranoá Parque, o menino faminto estuda a 30 km da residência, no Cruzeiro, Distrito Federal. O caso foi noticiado pelo DF TV. Os governantes, como sempre, em suas notas frias e oficiais, lamentam o ocorrido.

Espero que a primeira-dama Marcela e a equipe do seu programa “Criança Feliz” atentem para a gravidade. Faço votos que a bancada do Congresso que tanto se escandaliza com a nudez artística, entre outras manifestações, se comova com a mais triste das notícias da semana. Ah se fosse apenas o menino da escola do Cruzeiro. Na mesma sala, palavra de professora, existem outros. A conta de somar é sem fim no Brasil devolvido à geografia da fome.

Não há manchete mais estarrecedora. Do tipo que merece as três exclamações exaltadas pelo cronista Nelson Rodrigues nos tempos d´”A Última Hora”.

Menino de 8 anos desmaia de fome no Brasil de Michel Temer!!!

MENINO DE 8 ANOS DESMAIA DE FOME NA VIZINHANÇA DO PALÁCIO DO PLANALTO. Com direito a sangrar a página em maiúsculas, óbvio.

 

Transcrevi trechos

22
Nov17

Por que os presidentes da África não denunciam o governo escravocrata de Temer e o racismo no Brasil?

Talis Andrade

BRA_CB. negro escravo .jpg</ Sem  Sem nenhum protesto, sem nenhuma greve, desde o último dia 11, passou a vigorar a reforma trabalhista de Michel Temer, que legaliza o trabalho escravo, proibido pela Lei Áurea, e novamente os negros continuam sendo as principais vítimas da "ordem e progresso" de um capitalismo selvagem e colonial. De um Brasil vassalo, dependente do FMI, com uma dívida externa jamais auditada, um empréstimo consignado que faz o Brasil pagar com suas riquezas - ouro, diamantes, minérios estratégicos e raros como o nióbio, aquíferos, entrega das empresas estatais - apenas os juros sobre os juros. Zelinda Novaes (PFL/BA) denunciou na Câmara dos Deputados, no dia 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra e em Memória de Zumbi: "O Brasil é o país que fora da África, concentra a maior população negra. É também, onde os negros permanecem ocupando o mais baixo grau da pirâmide social. Os negros constituem a maioria dos pobres e miseráveis da cidade e dos campos. Essa maioria sobrevive em áreas de máxima opressão onde combinam- se o círculo perverso das condições subumanas da vida com as situações gravíssimas de degeneração social e comportamental. Sobrevivem com atividades de baixa remuneração e subemprego; morando nas encostas, vilas e favelas, sem equipamentos sociais, no analfabetismo ou sem acesso à educação de boa qualidade, são empurrados à marginalização. No Brasil, os descendentes de africanos escravizados são a parcela da população mais duramente atingida pelas políticas de exclusão das elites e do poder, pelos desmontes das políticas sociais e de saúde, pelos sistemas de controle populacional, o desemprego crônico, a fome e a violência do latifúndio, do aparato policial e dos grupos de extermínio. É negra a maioria de crianças jovens assassinadas nos centros urbanos. A violência racial atenta contra os direitos fundamentais do povo negro, submetendo-o à condição de subcidadão. Excluindo-o dos centros de decisão e reservando para ele as piores mazelas sociais, a violência expõe-se como instrumento de dominação e de controle social. De norte a sul a reclamação é uníssona".

BRA^PA_OL. negro desemprego .jpg

BRA^PA_OL- trabalho escravo.jpg

BRA^MG trabalho escravo .jpg

Acrescentou Zelinda Novaes: "O repúdio ao racismo nas relações internacionais foi expressamente estabelecido no inciso VIII, do art 4o do texto constitucional. Nele se encontra, também, o reconhecimento de que o preconceito de origem, raça e cor especialmente contra os negros não está ausente das relações sociais brasileiras disfarçadamente, ou não raro ostensivamente, pessoas de cor negra sofrem discriminação até mesmo nas relações com entidades públicas. O discurso de Zelinda Novaes não teve a repercussão merecida e necessária nos movimentos sociais de esquerda, por ser uma deputada do PFL, partido classificado como direitista, quando a luta contra o racismo jamais deveria sofrer discriminação ideológica ou partidária. Também de estranhar que presidentes negros da África não denunciem e pressionem o governo brasileiro.

BRA^MG_OT-1. renda negro .jpg

 

22
Nov17

A censurada morte de uma linda adolescente que escrevia poesia

Talis Andrade

thalia 10 instagram .jpg

No Brasil os jornalistas sofrem assédio judicial, têm a morte anunciada, são presos e assassinados. O terrorismo contra a imprensa explica o silêncio sobre vários crimes. Explica porque a imprensa de São Luís jamais publicou uma linha sobre a morte da poetisa Thalia Mendes Meireles, 15 anos, em Monção, e estudante da escola Horas Alegres, em Santa Inês. Thalia foi encontrada morta na Quinta-Feira Santa, e desde os 12 anos sofria abusos sexuais do pai José Meireles da Silva, dono de supermercado em Igarapé do Meio, Maranhão.

CDL thalia nota.jpg

meireles lojistas.jpg

Na foto, José Meireles pousa com João Nojosa de Souza. Thalia morreu na noite do dia 13.04.2017, no dia seguinte, Sexta-Feira da Paixão, a imprensa publicava a nota do CDL.

21
Nov17

Corrupção na Fifa mata o segundo

Talis Andrade

miled.750.jpg

 

 

O amplo esquema de corrupção na Fifa continua chocando as estruturas do futebol. Um diretor da rede de televisão mexicana Televisa foi assassinado no último domingo (19) enquanto pedalava por uma rodovia próxima ao sítio arqueológico de Teotihuacán, um dos mais visitados do país. Adolfo Lagos Espinosa, de 69 anos, era vice-presidente de comunicação da Televisa, empresa acusada pelo delator argentino Alejandro Burzaco de pagar propina a dirigentes do alto escalão do futebol para garantir o direito de transmissão de eventos esportivos. Além da Televisa, a Rede Globo também foi apontada por Burzaco como uma das emissoras envolvidas no escândalo.

 

Adolfo Lagos Espinosa é a segunda pessoa a morrer desde que o julgamento do Caso Fifa começou, há duas semanas. O primeiro foi o argentino Jorge Delhon, encontrado morto em Lanús.

20
Nov17

Ditadura se faz na marra com generais

Talis Andrade

economist.750.jpg</p O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, fez um discurso à nação no domingo, quatro dias depois da intervenção militar que o deixou em prisão domiciliar. Apesar das pressões para que deixe o cargo, Mugabe evitou apresentar formalmente a renúncia. Ao lado dele durante o pronunciamento estavam altos oficiais das Forças Armadas, com os quais havia se reunido antes. “Nosso povo precisa de paz, segurança, lei e ordem”, declarou Mugabe, de 93 anos, em uma leitura titubeante em que apontou que a economia deficitária, novamente à beira da hiperinflação, foi um dos principais temas nas conversas com os generais. Sempre a mesma promessa de ordem e progresso na marra, que toda ditadura começa com uma intervenção militar, e termina com brigas entre quartéis.

20
Nov17

Estupro, a estratégia de desacreditar a vítima é intolerável

Talis Andrade

Thalia capa 3 .jpg

A imprensa vendida do interior do Maranhão, e o silêncio cúmplice dos jornalistas da capital São Luís, um bando de safados. Desacreditaram Thalia Mendes Meireles (foto), que teve sua beleza violentada pelo próprio pai, que teve sua juventude roubada por uma morte anunciada por várias tentativas de suicídios. Os meios de comunicação seguiram o que foi ditado por blogueiros de Monção, Santa Inês e Igarapé do Meio. Todos vendidos ao filicida, estuprador e incestuoso dono de supermercados José Meireles da Silva. Grave, sem que a polícia investigue - a culpa sobra para o governador do Maranhão -, sem que a justiça se sinta culpada - com a palavra o presidente do Tribunal de Justiça do Maranhão -, que a estudante Thalia Mendes antes de morrer, aos 15 anos, denunciou às autoridades competentes que vinha sofrendo ameaças e agressões sexuais desde os 12 anos. Foi uma morte anunciada a da estudante e poetisa Thalia Mendes, uma morte mais do que prevista no Brasil da tradição do incesto, e da cultura do estupro. O Brasil precisa ter a mesma indignação da Espanha. O jornal El País, com o título de Manada, escreve um editorial hoje denunciando que "a estratégia da defesa de desacreditar a vítima é intolerável". Leia /p>

20
Nov17

O brasileiro doente da cabeça e do pé

Talis Andrade

BRA_AGAZ.jpg

Para o professor Luiz Carlos Bresser-Pereira, após Temer anunciar a intenção de privatizar a Eletrobras e outras 56 empresas, o Brasil está condenado a ser "uma economia de propriedade dos países ricos. E nós seremos todos empregados". Para receber os piores salários terceiromundistas. E depois dos quarenta anos, a certeza do desemprego. Para ser catador de lixo é preciso muita saúde. Muita força física para puxar uma carroça. Nas fotos de Ingrid Araújo, dois brasileiros livres, que não são empregados de estrangeiros

catador de lixo.jpg

catador de lixo 1.jpg

p>

A reforma trabalhista de Temer, escravocrata, passou sem nenhum protesto dos sindicatos, sem nenhuma greve. Nem mesmo a CUT, que é uma central sindical do PT, teve a coragem de ir pra rua. Nem o temido movimento dos sem teto, que as favelas estão todas dominadas pelas milícias que votam no PMDB do Rio de Janeiro, e pelo governo paralelo que vota no PSDB em São Paulo. Também não foi pra rua o movimento considerado terrorista dos sem terra, quando Temer ameaça vender a Amazônia, fatiada em imensos latifúndios da lavoura de exportação. Desde o dia 11 ultimo está valendo a reforma trabalhista, que determina uma jornada de trabalho de oito horas mais quatro horas extras grátis. Isto é, trabalhar doze horas, nos dias profanos e santos sem tempo para cuidar dos filhos, sem tempo para descanso.

BRA^PR_ODNP.jpg

19
Nov17

Como vai a saúde de Temer no Brasil mais morto?

Talis Andrade

<

jaguar. temer operado.jpg

O presidente Michel Temer anda desaparecido. A saúde de um presidente é notícia nacional. Ou internacional, dependendo da importância do país ou celebridade do nome. Depois que foi internado às pressas no Hospital Militar de Brasília, e levado para o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, a imprensa informou no final da noite da sexta-feira 27 de outubro, que o presidente foi submetido a uma "ressecção da próstata, cirurgia urológica para desobstrução do canal uretal". De acordo com a nota, "a intervenção transcorreu sem intercorrências" e o presidente se recupera em uma unidade de terapia semi-intensiva. A imprensa anda calada . Apenas os chargistas registram o vigor físico presidencial. No mais, as notícia da morte do Brasil e de um Temer mais do que vivo: entrega dos aquíferos, venda do Pré-Sal, da Petrobras, dos bancos oficiais, das hidroelétricas, da Amazônia, um fim de feira de um governo terminal.

CHARGE. temer.jpg

Agenda-do-Temer.jpg

19
Nov17

A escola sem partido do analfabeto político

Talis Andrade

Procure entender porque tiraram a obrigatoriedade do ensino de História nas escolas. Porque o brasileiro começa a votar aos 16 anos

BRA_CB-1.jpg

.

Importante que tudo continue como dantes no quartel de Abrantes. Que o eleitor permaneça um analfabeto político. Razão de ser da Campanha Escola sem Partido. Também não se ensina mais Geografia. O povo desconhece quantos aquíferos entesoura o Brasil. Nem sabe o que é aquífero. E assim, sem protestos, o presidente Temer anuncia que vai vender os quatros maiores aquíferos do planeta. Basta um deles, para abastecer as populações de todos os países, por mais de um século. Outro exemplo esclarecedor. A imprensa espalha que o Brasil, curiosamente, não possui quase nenhuma ilha no seu litoral de 7.367 km, banhado pelo oceano Atlântico. Esse contorno da costa aumenta para 9.200 km se forem consideradas as saliências e reentrâncias do litoral onde se alternam dunas, falésias, praias, mangues, recifes, baías, restingas, estuários e recifes de corais. A Constituição proíbe praias particulares, e as construtoras anunciam praias transformadas em condomínios fechados. Na cidade do Dicionário Amoroso de Urariano Mota, a especulação imobiliária dos grileiros vem aterrando mangues para construir shoppings e altas torres residenciais para turistas. O Brasil não tem mar de água salgada, mas define suas ilhas em oceânicas, marítimas e fluviais, propriedades da União entregues, por outorgas, a particulares. Ninguém sabe quantas ilhas, e sim que são revendidas, repassadas de bilionários para bilionários, uma corrupção jamais investigada.

BRA_OP.jpg

O general Mourão faz propaganda de uma intervenção militar, e promete a venda da Amazônia. Que tem latifúndios e mais latifúndios entregues à lavoura de exportação que derruba florestas e mais florestas com o tráfico de madeira nobre. Sim, tem minas, para pronta entrega, de ouro, de diamantes, de raros minérios como o nióbio. Sim, tem ilhas para vender. Não se sabe quantas. Porque apenas os países que possuem satélites artificiais conhecem a geografia do Brasil.

19
Nov17

Como vai a saúde de Temer no Brasil mais morto?

Talis Andrade

jaguar. temer operado.jpg

Depois de operado, o presidente Michel Temer anda desaparecido. A saúde de um presidente é notícia nacional. Ou internacional, dependendo da importância do país ou celebridade do nome. Depois que foi internado às pressas no Hospital Militar de Brasília, e levado para o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, a imprensa informou no final da noite da sexta-feira 27 de outubro, que o presidente foi submetido a uma "ressecção da próstata, cirurgia urológica para desobstrução do canal uretal". De acordo com a nota, "a intervenção transcorreu sem intercorrências" e o presidente se recupera em uma unidade de terapia semi-intensiva. Depois o silêncio. Apenas os chargistas registram o vigor físico presidencial. No mais, as notícia da morte do Brasil e de um Temer mais do que vivo: entrega dos aquíferos, venda do Pré-Sal, da Petrobras, dos bancos oficiais, das hidroelétricas, da Amazônia, um fim de feira de um governo terminal.

CHARGE. temer.jpg

justiça cunha temer fodendo temis.jpg

Agenda-do-Temer.jpg

No dia 11 de outubro último, O Globo noticiou que Temer está com uma obstrução parcial em uma artéria coronária

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D